x

Saint Laurent e os endereços vintage para seguir o estilo Grunge vai à praia

Meu estilo no desfile da Saint Laurent

- Fotos: Gerson Lírio e Andry Hardy -

LOOK: Vestido Margiela for H&M / Sapatos Daniele Michetti / Clutch Pierre Hardy / Óculos Abra-am / Boina Alexandre de Paris / Brincos Joanna Laura Constantine

E na passarela muitos Kurts e Courtneys de férias na Califórnia

- Legal a arquibancada forrada com adesivo tropical -

O que eu adorei no desfile da Saint Laurent, aliás, o que eu tenho gostado nessa nova fase da marca, é a imagem muito desejável, é um luxo que se aproxima da vida real e da cliente final. Bom, o desfile é um grande exercício de styling com muitas peças que parecem saídas de um brechó em Los Angeles.

Eu vi muita gente jovem na porta e na platéia e pensei na última exposição da Fundação Pierre Bergé sobre a “Coleção do Escândalo”, como ficou conhecida a coleção alta costura de Yves Saint Laurent de 1971. Nessa coleção, o próprio Yves Saint Laurent queria “romper” com a clientela que estava envelhecendo e criar desejo em um público mais jovem e descolado, então ele fez uma coleção para chocar e deu certo: a imprensa detestou, mas os jovens da época adoraram e ele virou referência de modernidade.

Acho que o Slimane (diretor criativo atual da marca) está indo no mesmo caminho, mais do que criar roupas, ele mostra uma atitude, que alimenta o imaginário rock’n’roll: sensual, livre e com uma ótima trilha sonora. Tem muita gente torcendo o nariz, mas tem muita gente usando ou copiando o estilo com similares.

- Energia na passarela da Saint Laurent -

Para seguir o estilo Saint Laurent nos vintages parisienses

Em Paris, existem brechós especializados no estilo rocker dos anos 70 e 80 com um grande acervo e dá para fazer looks bem parecidos com o desfile da Saint Laurent Paris.

Hippie Market – Boutique enorme no Marais. Tem muitas franjas, vestidos floridos e uma parte mais cowboy.
21 Rue du Temple, 75004 Paris

Omaya Vintage – Um grande acervo de Levi’s, calças cintura alta e camisetas rockers ou de basquete e muitos bodies de paetês. Preços ótimos, mas não tem muita variedade, é tudo dentro do mesmo estilo.
29 Rue Jean-Pierre Timbaud, 75011 Paris

Episode – Super seleção, não falo de marcas, mas do estilo mesmo, dá pra sair uma verdadeira Saintlaurette de lá.
12-16, rue Tiquetonne, Paris 2ème.

Freep-Star – Muitas caixas, baús e expositores lotados, mas se você tiver a paciência arqueológica do Indiana Jones, pode achar ouro. Tem 3 endereços em Paris, mas esse é o maior. Os outro vocês acham aqui.
20 Rue de Rivoli, 75004 Paris

E vocês, gostaram do estilo? 

- -

Paula Rita Saady é a dona do blog Paris, Me Chama!

 

 

OPS!

Estamos com algum problema de conexão!

Por favor, atualize a página ou tente novamente mais tarde.